Como melhorar a Otimização das Taxas de Conversão do meu negócio? - – Digital Land

Como melhorar a Otimização das Taxas de Conversão do meu negócio?

Como melhorar a Otimização das Taxas de Conversão do meu negócio?
de leitura

Quer mostrar resultados mais efetivos para os seus superiores? Então, invista na otimização das taxas de conversão e melhore o desempenho do seu funil de vendas. Afinal, o sucesso da sua empresa não vai vir por acaso, principalmente em tempos de crise econômica.

E, embora seja comum ouvirmos falar de CRO (em inglês, Conversation Rate Optimization) para as landing pages, todas as páginas podem (e devem) ser otimizadas. Isso porque os seus potenciais clientes buscam um site que ofereça a melhor experiência de compra.

Acompanhe o post de hoje e veja como melhorar a otimização da taxa de conversão do seu negócio. Boa leitura!

 

O que é otimização da taxa de conversão?

De maneira resumida, otimizar a taxa de conversão é trabalhar a experiência de um visitante em um site para conseguir convertê-lo em cliente. E não existe uma fórmula mágica para isso: sua equipe precisa testar diferentes possibilidades. Só assim, ela vai descobrir quais são as mais eficientes para convencer o consumidor a realizar uma determinada ação.

É costume dividirmos um planejamento de CRO em quatro etapas distintas, confira a seguir:

  • estudo dos números da organização e da sua página na web;
  • criação de hipóteses com base nesses dados;
  • aplicação de testes;
  • monitoramento dos resultados obtidos.

 

Por que ela é importante?

Como comentamos, os indivíduos não querem somente um preço justo, eles desejam uma boa experiência de compra. As empresas, por sua vez, empregam seus recursos financeiros para atraí-los via estratégias de marketing digital como mídia paga e SEO (em inglês, Search Engine Optimization). O objetivo, claro, é tornar o funil de vendas mais efetivo, fazendo com que o maior tráfego gere mais vendas.

Pouco adianta ter uma grande quantidade de visitantes em seu site se a sua taxa de conversão não for satisfatória, concorda? Se esse for o seu caso, está na hora de parar e reavaliar fatores como layout e conteúdo da sua página para otimizar a sua taxa de conversão.

E como fazê-la?

Conheça bem o comportamento do seu público

É indispensável conhecer bem o comportamento dos seus usuários para desenvolver hipóteses e, em seguida, aplicar os testes necessários. Dentre as ferramentas quantitativas utilizadas para entender um público específico, a mais adotada é o Google Analytics (GA). No que se refere às qualitativas, o MailChimp e o SurveyMonkey são algumas das mais conhecidas.

Com base nas informações coletadas, você será capaz de reduzir os obstáculos do seu potencial cliente ao longo da jornada de compra. Mais à frente, falaremos sobre os testes.

 

Produza conteúdo relevante

O consumidor não quer mais ter sua experiência interrompida como acontece no marketing tradicional. Com o Inbound Marketing, você atrai a sua atenção com conteúdo relevante, ajuda a educá-lo sobre um determinado assunto e, principalmente, estabelece uma relação de confiança em longo prazo.

Qual é o resultado disso? Quando ele precisar adquirir seu produto ou serviço, vai se lembrar da marca que tem mais autoridade: a sua. Portanto, aposte na criação de um blog com materiais informativos sobre o problema que a sua empresa resolve. E, claro, não se esqueça de incentivá-lo a entrar em contato com o seu time.

 

Insira mais pontos de contato

Se a ideia é estimular a interação para esclarecer uma dúvida, entregar um orçamento ou oferecer um trial, insira pontos de contato — os Calls to Action (CTAs) — ao longo de todas páginas. Por que ficar restrito ao “fale conosco”, não é mesmo?

 

Invista em segurança

As pessoas precisam se sentir seguras quando estão navegando na web. Seu site tem uma boa reputação? Ótimo! Mas, ainda assim, não deixe de investir em certificações de segurança e lembre-se de exibi-las adequadamente. Deixe bem claro que as suas páginas são confiáveis.

Faça uso de provas sociais como depoimentos de compradores satisfeitos e de clientes famosos para aumentar a credibilidade do seu negócio. Suas aparições na mídia também são válidas para isso.

 

Faça testes A/B

A melhor maneira de aprimorar suas estratégias é realizar testes A/B. Isso porque você pode aplicar dois testes, alterando somente uma variável e analisar qual deles trouxe os resultados mais favoráveis. Ao tomar decisões baseadas em números em vez de suposições, você aumenta as suas chances de ser bem-sucedido.

Por exemplo, que tal testar qual landing page gera uma taxa de conversão mais alta? Também vale a pena experimentar mudanças nos CTAs (tamanho, cor, texto e elementos gráficos) e no e-mail marketing (mensagens com um ou mais tópicos, horário de envio e texto no campo “Assunto”).

Para ganhar mais eficiência, utilize ferramentas especializadas ou softwares de automação de marketing. O próprio GA, que é gratuito, realiza testes desse tipo. O Optimizely, que é pago, também é uma opção.

Depois de escolhido um deles, determine a amostragem para que seu experimento tenha significância estatística. A calculadora do Kissmetrics é bem útil para isso. Por fim, crie as duas variações que serão analisadas. Não se esqueça de que só deve existir um elemento de diferença entre elas.

Então, quer saber logo o resultado do seu teste A/B? Calma, isso leva horas ou até mesmo dias. No caso de um e-mail, o período de teste é mais curto, mas, para landing pages e CTAs, o recomendado é de 15 a 30 dias. Se as páginas não tiverem recebido visitas suficientes, o seu experimento não será estatisticamente significante.

 

Acompanhe os resultados

Todo mundo já ouviu a frase de que “aquilo que não pode ser medido não pode ser gerenciado”. E ela faz sentido. É necessário acompanhar as métricas da sua empresa para entender o que está dando certo e o que não tem funcionado como o planejado. A partir de uma análise bem fundamentada, você consegue corrigir o que precisa ser melhorado.

O mundo digital não deixa mais espaço para os achismos. Faça do monitoramento em tempo real do desempenho das suas ações uma prática rotineira. Na era do Big Data, a geração de insights a partir de dados é uma vantagem competitiva e tanto!

Agora que você já sabe como melhorar a taxa de conversão do seu site, o que está esperando para colocar tudo isso em prática? Se precisar de ajuda, conte com uma agência de projetos e marketing digital.

Gostou deste post sobre CRO? Aproveite a visita e entre em contato com a Digital Land para contar com ajuda especializada na otimização das suas taxas de conversão!

Related Posts